quarta-feira, junho 14, 2017

Post 6263 - Hoje - O meu texto no Delito de Opinião

Hoje um texto escrito por mim foi publicado no blogue


20 comentários:

  1. Respostas
    1. Também achei (não o meu texto mas ser convidada :)

      um beijinho

      Eliminar
  2. Muito bem! Então, hoje, sigo para lá por este caminho. :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. :) e como em cima, obrigada Luisa por teres comentado lá, estava a pensar que iria ficar sem um único comentário lá e passaria completamente despercebida, ainda bem que não foi assim :)
      um beijinho

      Eliminar
  3. Muito bem....embora nem toda a gente vá concordar com esse dispositivo para limitar a velocidade dos bólides!! :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Também me parece que não Virgínia :)

      um beijinho

      Eliminar
  4. Está de parabéns, Gábi ! ... Comentei lá ! :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Muito obrigada Rui e obrigada por teres comentado lá :) ieeee assim não passei despercebida :)
      um beijinho

      Eliminar
  5. Também já por lá escrevi há já alguns anos.
    Gente boa, alguma com passagem por Macau.
    Vou lá ler.

    ResponderEliminar
  6. Estive a ler o texto "Muito depende da musica que se ouve" no "Delito de Opinião" e salvas as comparações, fez-me dalgum modo recordar um texto que eu escrevi em tempos, num meu outro blogue, alusivo aos veículos motorizados cuja condução não necessita de qualquer licença e sua correspondente formação teórica, prática, técnica e cívica; isto ao mesmo tempo que no limite se multa por se ter uma simples lâmpada do carro fundida ou coisa que o valha; hipocrisias políticas e sociais, em que o que conta é o lucro das transacções materiais, dos impostos, das taxas, das multas, etc., pois que dadas as circunstancias, só por certo não é a segurança a prioridade _ digo eu!

    Mas estando aqui para falar do texto da Gábi, achei interessantemente curiosa a associação da condução com a música _ provando que somos animais influenciáveis, de resto como se diz aqui na minha terra e imagino que no resto do País: "conforme é a música assim é a dança" :)

    Abraço

    ResponderEliminar
  7. Obrigada Victor Barão por ter ido lá ler o meu texto e depois me dar uma opinião - há situações que parecem realmente estranhas e só porque outros interesses estão em causa é que continuarão a suceder

    um beijinho

    Gábi

    ResponderEliminar